InícioNotíciasGoiás recebe carregamentos de vacinas contra Covid-19

Goiás recebe carregamentos de vacinas contra Covid-19

1

Na tarde de sexta-feira (6), chegaram doses da Pfizer, AstraZeneca e Janssen. No total, estado já recebeu mais de 5,9 milhões de imunizantes para vacinar goianos contra o coronavírus.

A Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO) recebeu novos carregamentos de vacinas contra Covid-19. Chegaram imunizantes da Pfizer, AstraZeneca e Janssen, que serão contabilizados na Rede de Frio e distribuídas para todos os 246 municípios goianos.

Na madrugada deste sábado (7), chegaram 75 mil doses de imunizantes da AstraZeneca que devem ser usados para aplicação de segunda dose.

Já na tarde de sexta-feira (6), chegaram 124.730 doses, sendo 121.680 da Pfizer e 3.050 da Janssen. A SES informou que os imunizantes do primeiro laboratório serão usados para primeira e segunda aplicações. Já a segunda vacina é de dose única, de acordo com recomendações do fabricante.

Em todo o estado, a campanha de imunização contra a Covid-19 está seguindo a idade como critério de prioridade. Cada município abaixa gradualmente a idade mínima das pessoas a serem vacinadas conforme recebem mais doses.

O estado já recebeu 5.914.930 doses de vacinas contra a Covid-19, sendo 1.867.580 da CoronaVac, 2.777.340 da AstraZeneca, 1.115.010 da Pfizer e 155 mil da Janssen.

O levantamento realizado diariamente pela SES registrou que, até sexta-feira, foram aplicadas 3.231.072 como primeiras doses e 1.275.772 de segundas doses.

Na capital, Goiânia, estão sendo imunizadas contra a doença moradores de 31 anos ou mais. Neste sábado (7) a prefeitura da cidade realiza “Dia D” da vacinação.

Covid-19 em Goiás

A SES-GO já contabilizou 757.880 infectadas pelo coronavírus desde o início da pandemia. Deste total, 21.236 perderam a vida para a doença.

A taxa de letalidade do vírus atualmente é de 2,81%. Do total de infectados, 722.467 se recuperaram. A secretaria investiga ainda se 563.998 casos suspeitos são de Covid-19 e se 348 óbitos foram causados pela doença.

Por Vanessa Martins, G1 GO

Por:
spot_imgspot_img

.Artigos Relacionados
Artigos