spot_img
InícioNotíciasCom mais de 1 mês de protestos, multidão não recua dos QGs

Com mais de 1 mês de protestos, multidão não recua dos QGs

Acampamento em Brasília chegou a dobrar de tamanho

Com um mês completo no último dia 30, as manifestações em protesto contra o processo eleitoral seguem firmes. Em diversas cidades do Brasil, pessoas estão acampadas em frente a quartéis-generais do Exército, sendo o principal acampamento em Brasília, no Distrito Federal. Este última, inclusive, está ainda maior do que há 36 dias.

As barracas na capital federal ocupavam metade da Praça dos Cristais na primeira semana. Agora, o acampamento dobrou de tamanho. Manifestantes exibem diversos cartazes com frases como “O Brasil foi roubado”, “Justiça corrompida” e “Não me censure” em português e inglês. Entre as ações dos manifestantes estão proferir palavras de ordem e cantar louvores à Pátria.

Neste fim de semana, os protestos ganharam o reforço de um grupo de indígenas do povo Xavante. O cacique Tsereré Xavante defende que o pleito foi alvo de fraude, e disse que “arrancaria” o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) “pelo pescoço”.

– O bandido não pode ocupar o cargo da Presidência. O lugar do bandido é na cadeia. Cadê os generais? Cadê ministro da Defesa? Que juraram para defender o povo brasileiro, a pátria querida amada Brasil – defendeu o cacique.

Brasileiros ignoram o Brasil na Copa e se mantêm nos quarteis

Pleno News

DEIXE SEU COMENTÁRIO
spot_imgspot_img

.Artigos Relacionados
Artigos

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com