spot_img
InícioNotíciasBárbara Destefani: “O Brasil já está em um Estado de exceção”

Bárbara Destefani: “O Brasil já está em um Estado de exceção”

A influenciadora foi incluída no processo contra fake news 

 Leiliane Lopes (PLENO.NEWS)

Bárbara Destefani em audiência no Senado Foto: Reprodução Youtube

A influenciadora Bárbara Destefani, do canal Te Atualizei, participou nesta quarta-feira (30) da audiência da Comissão de Transparência, Governança, Fiscalização e Controle e Defesa do Consumidor (CTFC) no Senado que discute a fiscalização das inserções de propagandas políticas eleitorais.

Destafani teve seu nome incluído no inquérito das fakes news aberto a mando do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), em um processo ao qual seus advogados não tiveram acesso. Além disso, ela perdeu a monetização do seu canal no YouTube.

Em seu depoimento, a influenciadora pede ajuda dos senadores para que ela tenha seus direitos constitucionais garantidos, citando um caso de um traficante que teve o processo anulado, porque o devido processo legal não foi cumprido.

– O que eu estou pedindo aqui é acesso ao Estado Democrático de Direito e ao devido processo legal que me é garantido pela Constituição, a qual todos nós somos regidos. Eu estou pedindo aqui, baseado na notícia que saiu nos jornais, onde um juiz determinou que um processo sobre um traficante fosse anulado porque não cumpriu o devido processo legal – disse ela.

Bárbara Destefani também falou sobre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) que também teve os seus processos anulados pelo mesmo motivo.

– Eu estou falando aqui de um bandido corrupto que lesou uma nação inteira, e que teve o seu processo anulado porque teoricamente não se cumpriu o devido processo legal. Eu estou aqui falando para vossas excelências que eu não estou tendo o devido processo legal. Há anos. E não só eu; muitos de nós – completou.

Em outra parte do seu depoimento, ela afirmou que o Brasil já está em um Estado de exceção que não foi proclamado pelo presidente, mas sim por um ministro da Suprema Corte.

DEIXE SEU COMENTÁRIO
spot_imgspot_img

.Artigos Relacionados
Artigos

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com