A PHP Error was encountered

Severity: Notice

Message: Only variable references should be returned by reference

Filename: core/Common.php

Line Number: 257

Jornal Diário Popular - Menção de apoio aos Bombeiros e permanência do Ten. Rhevysson

26/09/2018 05:20

Menção de apoio aos Bombeiros e permanência do Ten. Rhevysson

CATEGORIA: politica

A imagem da esquerda é o cartaz oficial da 30ª Exposição Agropecuária de Uruaçu e a da direita a logomarca dos Bombeiros do Estado de Goiás. A primeira reflete festa/diversão e a segunda, vida/segurança! Qual dos dois é o mais importante?! Ambos têm seu grau de importância, cada qual no seu contexto, mas, sem dúvida que a vida, a segurança ou a integridade física do ser humano é mais importante que qualquer outra coisa ou interesse de grupos.
Pois bem, se a pecuária é uma festa necessária, que aquece a economia local e diverte as pessoas, também é verdade que o parque agropecuário deve garantir o mínimo de segurança aos que por lá passarem, respeitando o direito à vida e é exatamente aí que os Bombeiros entram.
No ano passado, por não atender as exigências mínimas de segurança, o Corpo de Bombeiros de nossa cidade interditou o parque de exposições e a festa, para acontecer, legalmente, precisou de uma liminar da Justiça.
Pois bem... Um ano se passou e, nesse período, nada ou quase nada foi feito para colocar a ‘arena’ da maior festa de Uruaçu nos moldes de segurança adequados para o perfil do evento que se pretende realizar. Ao invés de correr atrás das prioridades, pessoas ligadas ao Sindicato Rural, dono de boate na cidade, comerciantes, advogados, políticos, etc., preferiram, aos moldes antigos, mostrar quem ‘manda na cidade’, conforme foi dito por um empresário, num diálogo por telefone: “os dias dele [Ten. Rhevysson] estão contados aqui. Ele mexeu com gente poderosa...”.
De uma forma covarde, vil e traiçoeira, pediram a cabeça do 1º Tenente Rhevysson. Um abaixo-assinado com 40 assinaturas encaminhadas ao Governo do Estado pedindo a sua remoção. 40 pessoas representam a população de Uruaçu? Por que essas pessoas fizeram isso? Quem são essas pessoas? Qual o interesse delas? O que o tenente fez – ou deixou de fazer – que as irritou tanto? Qual(is) foi(ram) seu(s) ‘crime(s)’ ou ‘pecado(s)’? Trabalhar?! Salvar vidas?! Nos proporcionar segurança?!...
Não podemos nos dar ao luxo de nos omitir diante dessa injustiça e, confiando na vitória do bem sobre o mal, da verdade sobre a mentira, dos interesses coletivos sobre os interesses pessoais ou de grupos e, apesar da minha pequenez diante disso tudo, conclamo as pessoas de bem de nossa cidade para que se manifestem diante desta injustiça e, talvez, impeçamos que uma minoria gananciosa e egoísta triunfe em detrimento de todos. Ainda há tempo! - Ass.: Carzem

 

 

 

 

PUBLICIDADE