A PHP Error was encountered

Severity: Notice

Message: Only variable references should be returned by reference

Filename: core/Common.php

Line Number: 257

Jornal Diário Popular - Secretária de clínica hospitalar em Uruaçu é acusada de desviar recursos

16/07/2018 09:51

Secretária de clínica hospitalar em Uruaçu é acusada de desviar recursos

CATEGORIA: policia

Foi registrado na delegacia de polícia civil de Uruaçu B.O(Boletim de Ocorrência), contra a secretária Mayara Costa Santos, que trabalhava na clínica Contato Ltda, acusada de subtrair dinheiro oriundo de impostos e taxas que o proprietário, senhor Edson Coelho dos Santos, médico e proprietário da mesma usava para pagar as obrigações sociais todo mês.  Segundo a denúncia junto à delegacia de Uruaçu, a ex-funcionária, tida como de confiança, recebia do proprietário dinheiro para efetuar o pagamento de tributos, taxas em geral, honorário de contador, etc. Ocorre que a mesma dizia que fazia os pagamentos, mas na verdade ficava com o dinheiro e não executava a liquidação das obrigações da empresa.

 

Passados três anos, a ex-secretária tinha obtido a confiança do chefe e era encarregada de ir ao banco pagar as obrigações todo mês. Nós últimos dias, o proprietário da clinica recebeu uma cobrança do contador da empresa dizendo que já havia vários meses que não recebia os honorários da firma da qual prestava serviços. Nesta abordagem, o médico ficou assustado e disse que suas obrigações eram pagas rigorosamente todo mês. Ao procurar a secretária sobre o que havia acontecido, foi quando descobriu que há vários meses a mesma embolsava todo o dinheiro lhe repassados para tais finalidades. Segundo a vítima Dr. Édson, a ex-funcionária alegou que estava com problemas financeiros e por isso ficava com os recursos do pagamento das obrigações.

 

Após a descoberta, a vítima procurou a delegacia de polícia para denunciar o fato e à justiça também será acionada disse. Além dos honorários, a ex-secretária, levou ainda o dinheiro de todos os tributos por um período que ainda não se sabe. As obrigações sociais da empresa como F.G.T. S, INSS, ISSQN, TX DE RECOLHIMENTO DE LIXO HOSPITALAR, ÁGUA, LUZ, TELEFONE E OUTROS, ficaram se pagar.  O numerário para os pagamentos desses tributos eram repassados à Mayara todo mês pela sócia da clínica, Dra. Cinthia Oliveira Souza. Foi descoberto que no escritório de contabilidade, estavam abertos para pagamentos de honorários os meses de janeiro, abril, maio e junho de 2013.

 

Com relação aos tributos, ainda será feito um levantamento junto aos órgãos para saber quais os meses não foram recolhidos. Segundo a vítima, a ex-secretária no ano passado, chegou a fazer um parcelamento com a empresa de coleta de lixo hospitalar sem o conhecimento do patrão. Informou ainda a vítima, que houve desvio de recursos no ano de 2012 da referida taxa de lixo hospitalar que também não foi paga. Após a denúncia, a autora do crime deverá ser ouvida pela polícia civil de Uruaçu e posteriormente, o caso irá para a justiça julgar o mau procedimento da autora.

PUBLICIDADE