26/04/2018 22:10

Aniversário de Campinorte marcado por protestos e bloqueio da rodovia BR 153

CATEGORIA: politica

Aniversário de Campinorte marcado por protestos e bloqueio da rodovia BR 153

Moradores de Campinorte, principalmente do Distrito de Colinaçu (PAUTERRA), protestaram nesta terça-feira 08/10, apresentando várias reinvindicações através de faixas e cartazes.

“A comunidade exige mais ação e menos propaganda”, é uma das frases de algumas faixas expostas pelos manifestantes.  O bloqueio da maior rodovia do Centro Oeste brasileiro foi em frente ao trevo que dá acesso a entrada principal da cidade que completou 50 anos de emancipação política.

Líderes políticos, representantes de vários segmentos, organizados participaram dos protestos que exige da administração municipal execução de ações como asfalto, posto telefônico no Distrito de Colinaçu (PAUTERRA), água tratada, dentre outras solicitações.

 Segundo as pessoas que participaram do movimento, o poder executivo de Campinorte está omisso em suas responsabilidades, e não executa as principais reivindicações de uma sociedade que é a saúde, educação, água tratada, pavimentação asfáltica e neste específico caso, a comunicação telefônica que na região não existe.

 Na área da saúde, por exemplo, disse um manifestante, “Nas unidades de saúde faltam de tudo, inclusive medicamentos que os pacientes precisam tomar todo dia”.  

Os profissionais da saúde ainda reclamam do prefeito que cortou suas gratificações.

“Nos 50 anos de Campinorte, as comemorações foram de parasitismo total, a cidade parece que está em clima de velório”, disse um manifestante.

 “A cidade parou no tempo, o município está estagnado, os comerciantes reclamando da falta de movimento, o povo sem opção de lazer, sem opção de saúde, sem opção de nada”, reclama outro participante do movimento pacífico ocorrido na BR 153 nesta data do aniversário da Princesinha do Norte como era antes conhecida.

 

Prefeito “Chicão” diz que os protestos são direitos dos cidadãos

Procurado pela reportagem do jornal Diário Popular, o prefeito de Campinorte Francisco Correia Sobrinho (Chicão), disse que os protestos são legítimos e um direito do cidadão.

Sobre as reinvindicações disse que o asfalto no Distrito de Pauterra já foi solicitado ao governo do estado e que o governador prometeu para a segunda etapa do projeto “RODOVIDA”, quanto ao sinal telefônico, disse que não é da alçada da prefeitura e tem cobrado das empresas responsáveis, sobre a saúde, falou que não está faltando médicos são cinco profissionais e que realmente o município foi obrigado a cortas as gratificações pelo período de 90 dias em função da redução nos repasses e que dentro de três meses, janeiro de 2014 os benefícios estarão sendo reintegrados aos salários dos profissionais. Quanto ao sistema de água tratada disse que está cobrando do governo estadual providencias e houve promessa de realizar a obra.

PUBLICIDADE